• Home

Agentes do tempo

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

agentempoOs agentes de tempo estavam ao lado dos Senhores da Galáxia como seus confidentes mais próximos. Em contraste com os duplos que frequentemente eram usados como bucha de canhão, os agentes do tempo eram lemurenses originais ou tefrodenses. Os senhores da galáxia os treinavam cuidadosamente e os enviavam ao longo do tempo pelo transmissor Vario ao passado, a fim de operar de lá em seu favor.

Normalmente, os agentes do tempo dos futuros relativos equipados com os instrumentos de poder se infiltravam em altos cargos, incluindo como Tamrate em cada Tamânia. Eles tinham a maior influência e os Senhores da Galáxia podiam assim com eles continuar a se desenvolver e expandir as bases de seu poder. Se necessário, eles tinham de enviar imediatamente relatórios aos SDG, ou auxiliá-los em operações.

Imprimir Email

ARK SUMMIA

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

ARK SUMMIA é o nome de um processo em três etapas, destinado à ativação do sentido extra dos arcônidas. Os candidatos ao processo da ARK SUMMIA são chamados de hertasos.

Geral

As duas primeiras etapas do processo da ARK SUMMIA envolvem a verificação do conhecimento teórico do candidato. Ao passar pela primeira etapa, o candidato passa a ser conhecido como Laktroten (Mestre); ao passar pela segunda, como Tai-Laktroten (grande Mestre).

Na terceira etapa da ARK SUMMIA, um grupo de hertasos é colocado em uma cúpula ambiental lacrada, onde devem superar sucessivamente cinco difíceis problemas práticos. É amplamente aceito o risco de morte entre os candidatos.

Se um hertaso supera todas as três etapas, alcançando uma escore mínimo de 10.000 pontos, seu sentido extra é ativado no Instituto Faehrl do Mundo de Teste. A pontuação também pode ser alcançada com a frequente solução de tarefas. Não é permitido executar o teste mais de cinco vezes.

Após a conclusão dos testes, a ativação parapsíquica é efetuada na Clínica de Ativação, dentro do Sino de Tratamento, no qual são tratados setores específicos ainda inertes do cérebro. O hertaso geralmente nomeia um ‘padrinho’, que monitora o procedimento de 4 a 5 horas de duração, atento para o menor risco de falha. Ele é o responsável por evitar que o hertaso sofra algum dano físico.

Imprimir Email

da Ark - O sistema de contagem de tempo de Árcon

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

daArk

A contagem dos anos no tempo arcônida sempre leva a expressão “da Ark”, ou seja, de Árcon.

O Ano

Um ano arcônida corresponde ao ano sideral do planeta original Árcon (Árcon III), e tem 365,22 dias de Árcon, e cada dia tem 20 horas de Árcon. Isso corresponde a 431,66 dias na contagem terrana, ou 1,18 ano terrano padrão.

O ano é calculado com 365 dias por ano de Árcon. A cada cinquenta anos há um ano bissexto, no qual são anexadas onze dias de Árcon. Esses onze dias intercalados, correspondem aos onze heróis (Hirsuuna, Osmaá Loron, Hataga, Ovasa, Heydrengotha, Tsual'haigh, Hy'Tymon, Teslym, Jang-sho Wran, Separei e Tran-Atlan). O período de comutação é nomeado após o décimo segundo herói mítico, chamado Vhrato Prago de Vetratou.

Imprimir Email

Dimensões

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela inativa

As dimensões correspondem às variáveis independentes necessárias para descrever matematicamente um objeto ou uma situação.

Atualmente são conhecidos nove tipos métricos de espaços com números diferentes de dimensões.

Além disso, é usado o termo “outra dimensão” quando se quer citar um universo paralelo. Isso se baseia no pressuposto de que há fendas dimensionais (comparáveis com as áreas ativas de sobreposição) que conduzem a outras dimensões.

Adimensional

Um ponto matemático sem nenhuma extensão espacial é chamado de adimensional; deste modo, objetos pontuais em um ambiente supradimensional são descritos por uma função delta. Variáveis adimensionais em matemática são, por exemplo, ângulos ou porcentagens.

Tanto no Universo real quanto no Perryverso são encontradas as singularidades, como dentro de um buraco negro.

Imprimir Email

Modelo das Cascas de Cebola

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

O modelo das cascas de cebola é um ponto de vista sobre o desenvolvimento técnico e espiritual da vida no universo. Da mesma forma que as camadas de uma cebola acompanham suas fases de desenvolvimento, desde a menor até a maior. Ver diagrama em anexo.

Estágios

Etapas iniciais:

  • Matéria inanimada: na forma de planetas, sóis e galáxias; a vida orgânica ainda não existe;

  • Formas de vida primitivas: ou seja, vida na forma de plantas e animais, sem comunidade social e sem inteligência ou consciência.

  • Vida inteligente:

  • Ainda não deixou seu planeta natal: varia desde uma sociedade de caçadores-coletores até sociedades altamente industrializadas;

  • Opera regularmente no espaço interplanetário;

  • Opera regularmente viagens interestelares;

  • Opera regularmente no espaço intergaláctico.

  • Entidade espiritualizada, que pode se converter em superinteligência positiva ou negativa.

  • Fonte ou Consumidor de Matéria, como desenvolvimento de uma superinteligência e sua concentração de poder.

  • Altos Poderes: Cosmocratas, Caotarcas e forças que possuem nível de poder comparável (por exemplo, Si Kitu).

Estágios Intermediários?

Na verdade, parece também haver várias possibilidades ‘entre’ as cascas no caminho para se tornar uma superinteligência:

  • A associação de algumas consciências em um corpo, o que ocorre, por exemplo, nos conceptos;

  • A associação de algumas consciências em uma máquina, o que ocorre, por exemplo, em uma paratrônica;

  • O desenvolvimento de uma consciência planetária, por exemplo ZEUT;

  • A associação de dezenas de milhares de consciência em uma ‘pequena’ superinteligência; por exemplo, Nukleus.

Imprimir Email

Os Senhores da Galáxia - Os opressores galácticos

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela inativa

SdG1Os Senhores da Galáxia (SdG), governaram Andrômeda durante dezenas de milhares de anos, com um reinado de terror, até que puderam ser derrotados no ano 2406, pela aliança de terranos, pos-bis e maahks. Eles eram da elite científica e militar dos lemurenses que fugiram para Andrômeda.

Para os povos oprimidos de Andrômeda, como os engenheiros cósmicos, os Senhores da Galáxia eram conhecidos como o Mal em sua Essência(PR 250).

Durante o Grande Tamanium dos lemurenses – semelhante ao Grande Império dos arcônidas – era governado por um dos Doze, e como os Senhores da Galáxia eram originalmente treze pessoas, similares ao Grande Conselho Coordenador de treze Tamânes Solidários, em Lemur, no primeiro avanço para o espaço.

Os tefrodenses lhes davam a forma de tratamento Maghan – para os lemurenses significava Sublime – um uso comum para o Tamrat da Tamânia, no reino lemurense. Entre eles, usavam a designação de Fator I a Fator XIII. O Fator I era superior a todos os outros. Mais tarde – após a eliminação de seis rebeldes – restaram apenas sete Senhores da Galáxia, que ainda eram dirigidos de forma ditatorial pelo Fator I. Ao longo do tempo, os SdG se tratavam somente pelos números, e não pelos nomes (PR 286).

Fatores

Originalmente Agaia Thetin era o Fator I dos Senhores da Galáxia. Após sua morte, pela destruição de seu ativador celular, Mirona Thetin ocupou anonimamente sua posição. O ano da morte de Agaia Thetin não é conhecido com precisão (RP 288).

Há cerca de 8000 anos aC., seis SdG, depois de terem descoberto a identidade do Fator I, tentam tomar o poder em Andrômeda, para governar como um Conselho dos Seis. Aset-Radol, anteriormente Fator VI, espionava a favor do Fator I, e traiu os rebeldes. O Fator I os matou através de um dispositivo de controle dos ativadores celulares. Desde que Mirona Thetin chegou à decisão de não mais confiar nele, ela enviou para o ativador celular dele, um impulso de destruição de alta energia. Aset-Radol sabia disto, e se escondeu dentro de um “moby”, que comeu os impulsos de rádio. Em seguida ele retirou-se para a Via Láctea, onde prosseguiu com seus planos alternativos, ao longo dos próximos milênios (A Toxina Ara 6).

Um dos rebeldes, Comden Partan, o Fator XIII dos SdG, antes de seu ativador de células ser destruído, entregou-o a um amigo. Ele se refugiou na Via Láctea e esperou a morte do Fator I, em sono profundo. Em 2842 ele apareceu como O Cinzento, entretanto ele estava obviamente mutado, e tinha uma fraca capacidade hipnossugestiva.

Os outros seis Fatores não descobriram nada sobre a verdadeira identidade do Fator I.

Notas:

    • Em 2406, o Fator I fala de um período de “cerca de 10 mil anos”, no qual o seu número era apenas sete. Matematicamente seria 7595 aC., mas o relatado deixa espaço suficiente para a revelião, até 8000 aC. (PR 299 e Infotransmitter de 19/12/2014)

    • A história de Comden Partan como “O Cinzento” foi publicada na série Atlan. A rebelião foi datada em 8020 aC. Mais tarde ele manifestou dúvidas quanto à sua identidade (Atlan 94 e 99).

    • Depois de uma descrição divergente, Mirona Thetin oficialmente apareceu como Fator XIII. Ela se infiltrou no círculo dos conspiradores, e poderia identificá-los. A fim de preservar o seu anonimato como o Fator I, após a morte dos cinco conspiradores, fingiu também a sua morte. Esta provavelmente é uma história paralela (PR 1573).

mirona2Os sete SdG que sobreviveram à rebelião, e ainda governaram Andrômeda por mais dez mil anos:

  • Fator I: Mirona Thetin

  • Fator II: Trinar Molat

  • Fator III: Proth Meyhet

  • Fator IV: Miras-Etrin

  • Fator V: Nevis-Latan

  • Fator VI: Toser-Ban

  • Fator VII: Regnal-Orton

Seis desses sete Fatores foram mortos durante os confrontos com os terranos, entre 2404 e 2406.

Toser-Ban morreu em 49488 aC. – o equivalente ao ano 2404 no presente relativo – durante uma missão no passado, Regnal-Orton e Nevis-Latan morreram imediatamente após o retorno ao ano 2404.

Proht Meyhet conseguiu, com a ajuda do ilt Gucky, fugir da estação Midway. Uma vez que também não foi capturado no seu encontro em Multidon, ele pode escapar de lá. Ele retirou-se para a Via Láctea. Ele escapou do impulso de morte de Mirona Thetin, e construiu uma nova vida ao longo de vários séculos, sob uma identidade de camuflagem em Nakh III, até que morreu por suas próprias mãos (Volume Jubileu 7).

mirona3Os outros Senhores da Galáxia foram:

  • Antigo Fator IV: Zeno Kortin (Toxina Ara 6, PR 2761 e 2762)

  • Antigo Fator VI: Aset Radol (Toxina Ara 6)

  • Antigo Fator VII: Soynte Abil (Toxina Ara 6, Infotransmitter 19/12/2014)

  • Antigo Fator VIII: Toser-Ban (Infotransmitter 19/12/2014)

  • Fator IX: Barim-Nantor (RP 351)

  • Antigo Fator X: Miras-Etrin (Infotransmitter 19/12/2014)

  • Fator XI: Colin-Us, iniciador da rebelião (Infotransmitter 19/12/2014)

  • Antigo Fator XII: Regnal-Orton (Infotransmitter 19/12/2014)

  • Fator XIII: Comden Partan (Atlan 94, Toxina Ara 6)

Hierarquia

Obviamente, todos os Fatores dos Senhores da Galáxia – exceto o Fator I – tinham igualdade de direitos. A hierarquia de classificação ou autoridade devido à numeração descendente não é conhecido. Limitava-se a simbolizar a apreciação da importância das respectivas competências pessoais (PR 286).

Símbolo

O símbolo dos SdG, que eles usavam em seu uniforme prateado, eram duas galáxias douradas em um fundo negro. A marca com a qual o Fator I fazia contato com seus subordinados, adicionalmente mostrava uma faixa fluorescente, que atravessava as duas galáxias estilizadas (PR 267, 286 e 297).

Nota: Provavelmente expressava sua reivindicação sobre todo o legado lemurense – Andrômeda e a Via Láctea – como resultado.

mironaPrefácio à história

A história dos Senhores da Galáxia, a sua origem, as pessoas envolvidas, entidades e eventos, estão sujeitos a alteração. Devido a várias influências da história oficial posterior, em termos de eventos, pessoas, pode ser alterada a qualquer tempo. Há também cursos parcialmente alternativos de eventos. Pode-se supor que a entidade CASTORCASTORDefinição: Rainer Castor estabeleceu sua reputação como “banco de dados da série” em seu trabalho nos livros azuis da Aventuras Temporais de Atlan, onde foi muito elogiado por Hans Kneifel. Ele é um entusiasta da tecnologia do Perryversum e é responsável pela sinopse técnica da equipe dos Exposé da série. Além da Perrypedia que o cita como “Cartógrafo do Multiverso” também os autores de Perry Rhodan imortalizaram o mesmo como: Raicastor (PR-TB 276), Reniar da Rotsac (PR 1260), Rey c'Stor (Biblioteca do Autor 4), e até mesmo como a Superinteligência NERTOR/Raica (PR 2351), todos anagramas de seu nome e personagens historiadores ou “acumuladores” de conhecimento no caso da Superinteligencia....
, também conhecida como superinteligência C.A.S.T.O.R., explique os acontecimentos ao longo do tempo, para trazer luz para as trevas e levantar novas questões!

Estudos cosmológicos sugerem a existência dos SdG a um “distúrbio de personalidade” da superinteligência AQUILO, que na época ainda estava conectada com a superinteligência negativa ANTI-AQUILO, e também foi responsável por muitas tentativas de fuga de androides peregrinos sobre a Terra. Também é possível que esse fosse um movimento do Xadrez Cósmico.

O início da história dos SdG no RP 288, nem sempre estão de acordo com as sugestões descridas no ciclo dos SdG. Neste volume Selaron Merota e Agaia Thetin são os pais de Mirona Thetin e sua meia-irmã Ermigoa Merota, os ativadores celulares e os multiduplicadores são introduzidos, desenvolvidos por Selaron Merota, a construção do hexágono solar e uma urdidura do tempo é descrita.

A descrição se afasta completamente do ciclo dos linguides, onde de acordo com Nermo Dhelim, AQUILO entregou a ele 14 ativadores celulares e o encarregou de encontrar portadores dignos, se poderia explicar possivelmente como uma história paralela, devido à confusão pelo choque com DORIFER, e as manipulações de Taurec (PR 1573).

O papel de Agaia Thetin e de Selaron Merota em conexão com a construção do hexágono solar, foi praticamente canonizada pelo comentário no PR 2369. Selaron Merota está no PR 2368, sem mais explicações como “Forjador da Imortalidade”, e é referido como o inventor dos ativadores celulares. Após sua viagem ao passado, para influenciar os acontecimentos, e enfraquecer os Senhores da Galáxia, o seu trabalho e de sua filha Ermigoa é compatível com a série de Atlan, Traversan, e o ciclo Centauri.

Ainda não está claro até onde outras declarações no livro de bolso, tais como o funcionamento dos ativadores de células e os multiduplicadores dos SdG, se desviam dos fascículos originais, aos olhos dos cânones dos autores.

Imprimir Email

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.