PR0498 - A Volta do Takerer

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

PR498

Um homem luta por sua vida – no caos de Titã.

Título Original: Die Rückkehr des Takerers

Autor: Clark Darlton

Tradutor: Ayres Carlos de Sousa

Artista da capa alemã: Johnny Bruck

Publicação na Alemanha: 05/03/1971

Publicação no Brasil: 1990

Época: Julho de 3438

Local da ação: Titã

Personagens principais: Vascalo, Reginald Bull, Julian Tifflor, Galbraith Deighton, Pultor, dr. Burgalow, dr. Stranger, 86104

Resumo

Vascalo se pedotransferiu para o corpo de Pultor, seu próprio corpo tem somente 51 horas de oxigênio. A bordo do coletor ele recebe a notícia da morte do Taschkar em Gruelfin e da tomada de poder dos juclas. Ele imediatamente se pedotransfere de volta para salvar o seu próprio corpo – apenas seu próprio corpo biologicamente o assegura como o sucessor do Taschkar. Em uma retirada da Via Láctea ele não pensa, ele ainda acredita que só a derrubada dos terranos lhe dará carta-branca em Gruelfin.

De volta à lua Titã, ele ainda tem oxigênio para 48 horas; a situação do resto de seu exército de servidores da guerra é desesperadora, porque os terranos estão usando as faixas-dakkar e os aparelhos de ressonância Hollbeyn que podem seguir a pista de um pedotransferidor ou impedir diretamente a assunção.

O dr. Burgalow e dr. Stranger são dois cientistas de Titã, apoiados pela mulher de Burgalow. Juntos, eles testemunharam a invasão de Titã, mas estão protegidos em seu bangalô subterrâneo. Para se aquecer – os takeres tinha atacado e desfruído os geradores de gravidade dos sóis artificiais – eles reúnem madeira na superfície para queimá-la em seu bangalô.

Vascalo – muito amigavelmente tendo em vista o tipo de takerer que ele é – junta-se aos cientistas e solicita oxigênio. De bom grado, os terranos desarmados cedem alguns dos seus estoques, mas as fechaduras de pressão são consideradas incompatíveis. Vascalo não têm coragem de usar o grande equipamento de rádio dos cientistas. Como ele está cansado, ele finalmente vai dormir e confia que os estranhos não irão dominá-lo em seu sono e tomar a arma. Burgalow oferece ao hóspede, quando ele acorda depois de algumas horas, um suco de laranja. Vascalo fica sabendo do pouso forçado da nave fragmentária BOX-86104 e quer procurar pela espaçonave, que pousou a 200 km de distância. Ele se despede dos amigáveis cientistas e confia em seu compromisso de não informar a qualquer autoridade militar de sua presença.

Nota: Este é um completamente novo e surpreendente comportamento humano, que Clark Darlton "descobriu" aqui no takerer frio, calculista e sem escrúpulos louco por poder.

Vascalo não tem ideia de quem ou o que pode ser um pos-bi, mas ele está mantendo firmemente à posição da nave pos-bi. Ele tem que evitar repetidamente comandos de investigação terranos e também observa que Ribald Corello e Balton Wyt estão de volta em seus calcanhares. Uma tentativa de Vascalo de tentar remover o suprimento de oxigênio de um takerer caído falha, porque ele se lembra tarde demais que seu traje espacial é uma construção especial que também não é compatível com os outros cilindros de oxigênio takeres. Felizmente para Vascalo, Corello e Wyt perdem o rastro do takerer depois que eles ajudaram Farrel Hook, que estava sitiado em uma situação de emergência.

Sona Burgalow finalmente informa as autoridades militares sobre o takerer, que tinha encontrado abrigo com eles. O tenente Farrel Hook, novamente no quartel-general, reconhece as conexões imediatamente e parte com um comando de caça. Vascalo reconhece a tempo a ameaça representada pelo planador e aborta a goniometria do comandante pos-bi. A assunção de curto prazo dos pilotos do planador causa a falha do planador.

Posteriormente, ele pode assumir o comandante pos-bi, o que ele consegue com pedoassunção pela força bruta. No entanto, ele tem que se concentrar constante sobre o pos-bi, cujo cérebro de plasma luta pelo controle de si mesmo. Ele ordena ao comandante o embarque de seu corpo e a destruição de algumas testemunhas terranas que observaram o local do acidente do planador e o resgate do corpo. Em seguida, Vascalo ordena o início da decolagem da espaçonave.

Os terranos permanecem desconfiados. Galbraith Deighton, Julian Tifflor e Reginald Bull desconfiam da sequência de coincidências em torno de Vascalo e da espaçonave pos-bi. Eles convocam um comando de pesquisa para a BOX-86104, mas que não podem descobrir nada. Além disso, o aparelho de ressonância Hollbeyn não responde. Sem ter conseguido nada, os terranos deixam a espaçonave.

Depois de várias fintas, para distrair os terranos, Vascalo se transfere para fora da espaçonave pos-bi num coletor. Os pos-bis voam de volta para Titã, porque ele não se lembram de mais nada. Os terranos agora sabem que seus temores estavam corretos, Vascalo está a salvo novamente na frota de coletores. Ele e Pultor decidem mais uma vez subjugar tanto a Via Láctea quanto Gruelfin.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções! Clique aqui para criar uma Conta.

Imprimir Email

Você não tem permissão para comentar. Faça seu login no site ou se registre, caso não tenha um login no site.

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.