PR0498 - A Volta do Takerer

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

PR498

Um homem luta por sua vida – no caos de Titã.

Título Original: Die Rückkehr des Takerers

Autor: Clark Darlton

Tradutor: Ayres Carlos de Sousa

Artista da capa alemã: Johnny Bruck

Publicação na Alemanha: 05/03/1971

Publicação no Brasil: 1990

Época: Julho de 3438

Local da ação: Titã

Personagens principais: Vascalo, Reginald Bull, Julian Tifflor, Galbraith Deighton, Pultor, dr. Burgalow, dr. Stranger, 86104

Resumo

Vascalo se pedotransferiu para o corpo de Pultor, seu próprio corpo tem somente 51 horas de oxigênio. A bordo do coletor ele recebe a notícia da morte do Taschkar em Gruelfin e da tomada de poder dos juclas. Ele imediatamente se pedotransfere de volta para salvar o seu próprio corpo – apenas seu próprio corpo biologicamente o assegura como o sucessor do Taschkar. Em uma retirada da Via Láctea ele não pensa, ele ainda acredita que só a derrubada dos terranos lhe dará carta-branca em Gruelfin.

De volta à lua Titã, ele ainda tem oxigênio para 48 horas; a situação do resto de seu exército de servidores da guerra é desesperadora, porque os terranos estão usando as faixas-dakkar e os aparelhos de ressonância Hollbeyn que podem seguir a pista de um pedotransferidor ou impedir diretamente a assunção.

O dr. Burgalow e dr. Stranger são dois cientistas de Titã, apoiados pela mulher de Burgalow. Juntos, eles testemunharam a invasão de Titã, mas estão protegidos em seu bangalô subterrâneo. Para se aquecer – os takeres tinha atacado e desfruído os geradores de gravidade dos sóis artificiais – eles reúnem madeira na superfície para queimá-la em seu bangalô.

Vascalo – muito amigavelmente tendo em vista o tipo de takerer que ele é – junta-se aos cientistas e solicita oxigênio. De bom grado, os terranos desarmados cedem alguns dos seus estoques, mas as fechaduras de pressão são consideradas incompatíveis. Vascalo não têm coragem de usar o grande equipamento de rádio dos cientistas. Como ele está cansado, ele finalmente vai dormir e confia que os estranhos não irão dominá-lo em seu sono e tomar a arma. Burgalow oferece ao hóspede, quando ele acorda depois de algumas horas, um suco de laranja. Vascalo fica sabendo do pouso forçado da nave fragmentária BOX-86104 e quer procurar pela espaçonave, que pousou a 200 km de distância. Ele se despede dos amigáveis cientistas e confia em seu compromisso de não informar a qualquer autoridade militar de sua presença.

Nota: Este é um completamente novo e surpreendente comportamento humano, que Clark Darlton "descobriu" aqui no takerer frio, calculista e sem escrúpulos louco por poder.

Vascalo não tem ideia de quem ou o que pode ser um pos-bi, mas ele está mantendo firmemente à posição da nave pos-bi. Ele tem que evitar repetidamente comandos de investigação terranos e também observa que Ribald Corello e Balton Wyt estão de volta em seus calcanhares. Uma tentativa de Vascalo de tentar remover o suprimento de oxigênio de um takerer caído falha, porque ele se lembra tarde demais que seu traje espacial é uma construção especial que também não é compatível com os outros cilindros de oxigênio takeres. Felizmente para Vascalo, Corello e Wyt perdem o rastro do takerer depois que eles ajudaram Farrel Hook, que estava sitiado em uma situação de emergência.

Sona Burgalow finalmente informa as autoridades militares sobre o takerer, que tinha encontrado abrigo com eles. O tenente Farrel Hook, novamente no quartel-general, reconhece as conexões imediatamente e parte com um comando de caça. Vascalo reconhece a tempo a ameaça representada pelo planador e aborta a goniometria do comandante pos-bi. A assunção de curto prazo dos pilotos do planador causa a falha do planador.

Posteriormente, ele pode assumir o comandante pos-bi, o que ele consegue com pedoassunção pela força bruta. No entanto, ele tem que se concentrar constante sobre o pos-bi, cujo cérebro de plasma luta pelo controle de si mesmo. Ele ordena ao comandante o embarque de seu corpo e a destruição de algumas testemunhas terranas que observaram o local do acidente do planador e o resgate do corpo. Em seguida, Vascalo ordena o início da decolagem da espaçonave.

Os terranos permanecem desconfiados. Galbraith Deighton, Julian Tifflor e Reginald Bull desconfiam da sequência de coincidências em torno de Vascalo e da espaçonave pos-bi. Eles convocam um comando de pesquisa para a BOX-86104, mas que não podem descobrir nada. Além disso, o aparelho de ressonância Hollbeyn não responde. Sem ter conseguido nada, os terranos deixam a espaçonave.

Depois de várias fintas, para distrair os terranos, Vascalo se transfere para fora da espaçonave pos-bi num coletor. Os pos-bis voam de volta para Titã, porque ele não se lembram de mais nada. Os terranos agora sabem que seus temores estavam corretos, Vascalo está a salvo novamente na frota de coletores. Ele e Pultor decidem mais uma vez subjugar tanto a Via Láctea quanto Gruelfin.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções! Clique aqui para criar uma Conta.

Imprimir