PR0138 - Risco Infinito

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

PRBR 0138

Dois swoons, os microtécnicos, têm uma ideia… e Gucky deixa loucos os pos-bis!

Título Original: Risiko unendlich groß

Autor: Kurt Brand

Tradutor: Richard Paul Neto

Artista da capa alemã: Johnny Bruck

Publicação na Alemanha: 24/04/1964

Publicação no Brasil: 1979

Época: Agosto de 2113

Local da ação: espaço perto de M-13; Terra; Frago

Personagens principais: Perry Rhodan, Reginald Bull, Atlan, Van Moders, Kule-Tats, Petid, Oligo, Gucky

Resumo

Em 02 de agosto de 2113, a batalha contra os pos-bis chegou ao fim. Enquanto as equipes de cientistas terranos estudam o interior da nave espacial pos-bi, Perry Rhodan retorna ao Sistema Solar e informa a situação de momento ao Império Solar e ao Império Arcônida. Todas as naves que estão disponíveis são convocadas para ir a Árcon com o objetivo de evacuar as colônias ameaçadas.

E até mesmo os aconenses parecem dispostos a concluir uma aliança com seus antigos inimigos. Uma delegação chega à Terra e logo uma aliança é formada entre a Terra, os aconenses e os arcônidas. O Sistema Azul transmite uma lista de todos os seus planetas para que o Império Solar fique sabendo de antemão quando um desses sofrer um ataque ou dos pos-bis ou dos laurins. Enquanto isso, mísseis mais avançados são produzidos graças a esta nova colaboração.

A bordo da nave espacial pos-bi, os cientistas Kule-Tats e Van Moders observam um sentimento de alegria vindo do protoplasma quando a TÓQUIO que transportava Perry Rhodan se afasta. Eles decidem refazer o teste, enquanto a retirada da equipe de comando da nave pos-bi era feita. O experimento é um sucesso.

De repente, uma frota dos laurins aparece perto da naves imobilizadas dos pos-bis emitindo uma mensagem fazendo os pos-bis pensarem que há uma aliança entre eles e os terranos. A batalha contra os pos-bis começa novamente com suas naves seguindo em direção a Árcon.

Perry Rhodan decide então atacar Frago e dez mil unidades pesadas aproximam-se do planeta pos-bi. A TEODORICO usa torpedos de um novo tipo para destruir o campo de força defensivo do planeta. A frota terrana ataca ferozmente Frago enquanto no centro da Via Láctea as batalhas estão cada vez mais dramáticas. Os dispositivos de teletransporte dos swoons que simulam as ondas celulares dos laurins são ativados em quase todos os lugares do planeta fazendo com que os pos-bis reajam em pânico.

Os terranos enviam uma mensagem, propondo sua ajuda em troca de uma retirada dos pos-bis da Galáxia, mas esta permanece sem resposta. Após a equipe de comando em Frago apreender grandes quantidades de protoplasma, os ataques do pos-bis subitamente cessam. Os terranos evacuam o planeta sem serem detectados e imediatamente regressam ao local afirmando que eles vieram para ajudar os robôs. Estes agradecem o gesto, mas afirmam não ter mais a necessidade da ajuda dos terranos. Na Galáxia, um novo cessar-fogo é emitido e todas as batalhas são interrompidas.

Mas os traiçoeiros laurins estão prontos para atacar e destruir os pos-bis e a Coalizão da Via Láctea entre terranos, arcônidas e aconenses em uma só tacada. Esse jogo de xadrez entre os três povos está longe de ser concluído e a Via Láctea ainda corre um grande perigo.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções! Clique aqui para criar uma Conta.

Imprimir Email

Você não tem permissão para comentar. Faça seu login no site ou se registre, caso não tenha um login no site.

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.