PRNeo0074 - Entre os Mundos

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

c neo74

Título Original: Zwischen den Welten

Autor: Rüdiger Schäfer

Tradutor: Dirceu Alvir Rudnick

Revisor: Marcel Vilela de Lima e Marcos Roberto Inácio Silva

Artista da capa alemã: Dirk Schulz / Horst Gotta

Publicação na Alemanha: 18/07/2014

Publicação no Brasil: 10/2015

Época: agosto de 2037

Local da ação: Árcon I, espaço vazio entre Thantur-Lok e Debara Hamtar

Resumo

Atlan da Gonozal, ao lado de Novaal, chefe da insurgência, está conversando com a frota rebelde sobre Árcon III, indeciso sobre como reagir aos recentes acontecimentos. Surpreendentemente, o Regente retornou do Mundo Elísio no cilindro azul-cobalto, um dia antes do previsto. Um sinal para os arcônidas de que um novo imperador foi coroado. Atlan ainda acredita que Pertia ter Galen manterá o acordo que ele e a mascant fizeram. Novaal, por outro lado, está inquieto. A resistência arcônida em Naat faz cada vez mais vítimas. Só com muita dificuldade ele impede que seus impacientes compatriotas se vinguem dos arcônidas capturados. Atlan o incita a tentar de tudo, mas ele mesmo está tendo dificuldades com o reekha. Este vê em perigo as conquistas e quer atacar o Mundo de Cristal. Pertia ter Galen e Ihin da Achran também anteveem o final do levante e aconselham uma fuga. Atlan se recusa, pois ainda tem dois trunfos na mão. Theta foi abandonada em Naat por Sergh da Teffron e o provavelmente manipulado ativador celular, que agora voltou para a Mão do Regente. A antiga amante de da Teffron deve ser levada ao Imperador, ao qual ela pode informar sobre as maquinações e as ambições de seu antigo mestre, desviando a atenção do imperador em relação aos insurgentes. O efeito do ativador celular, por outro lado, parece altamente incerto, como todo o plano. As duas poderosas mulheres relutam em concordar.

Sergh da Teffron provou o poder abrangente durante a ausência do Regente e agora observa o retorno deste como imperador escolhido. Isso complica consideravelmente seus planos subversivos e ele decide esperar. Ele espera capturar, sem lhe causar danos, o humano Perry Rhodan. Uma mensagem do tharg’athor Selim da Hostrak o faz suspeitar que Rhodan se afasta do Mundo Elísio em um disco leka. Da Teffron manda capturar vivo o piloto. Ele gostaria muito de saber o que Rhodan tem a dizer. Talvez ele possa usar isso contra o novo imperador, cuja Dheraam dama Zhdopanthi, a entronização, como Masgar I ele deverá assistir. Da Teffron tem que repensar seus planos. Ainda mais que recebeu a notícia de que Perry Rhodan escapou de novo. Que o novo imperador Masgar I quer vê-lo também não parece agradar à Mão. Quando da Teffron chega ao imperador, uma surpresa desagradável o aguarda. Masgar I o acusa de tentar derrubá-lo e apresenta uma testemunha, a última pessoa que da Teffron esperava ver. Theta o confronta nos aposentos do imperador. Como resultado, ocorre um conflito feroz entre os dois homens mais poderosos do Império, no qual da Teffron é claramente o perdedor. Ele está apenas à espera do golpe fatal quando Masgar vê o ativador celular com da Teffron. Furioso, ele o puxa para si. Neste momento, o ativador se transforma em um pequeno sol, no calor do qual morre o imperador Masgar I. A Mão do Regente reconhece neste momento que estava certo ao suspeitar que este dispositivo era uma armadilha. Uma armadilha para o Regente. Quem mandou Atlan da Gonozal trazê-lo, ele não consegue descobrir, porque a explosão que destrói o ativador também o despedaça. Theta, que acompanhou tudo de perto, agora está diante dos restos do imperador e de Sergh da Teffron e precisa urgentemente encontrar uma saída para essa delicada situação. Ela já ouve a chegada das forças de segurança quando decide rapidamente agarrar resolutamente a Justiça do Imperador, a insígnia dos imperadores arcônidas. Também o anel de Pranav Ketar, o instrumento de assassinato empregado por Sergh da Teffron e chave de seu poder, sobreviveu ileso ao drama e está agora na posse da bela arcônida.

Perry Rhodan deixa o Mundo Elísio em um disco leka com mais de seis mil anos. Ele vê o cilindro azul do imperador deixar o meio planeta. Um dia antes do esperado pelos naats insurgentes e Atlan da Gonozal. Não há dúvida de que Herak da Masgar retorna como o novo imperador. As naves de guerra à espera já têm Rhodan na mira. Elas destroem o disco, mas, obviamente, querem Rhodan vivo. Neste momento, Reginald Bull aparece com a RANIR’TAN mais uma vez, para tirar Rhodan dos apuros. Desta vez, a própria RANIR’TAN entra na mira. Somente uma ousada manobra de resgate pode salvar Perry da captura. A perseguição obstinada das naves imperiais força-os a efetuar duas transições de emergência de alto risco, que os conduzem diretamente ao espaço vazio entre Thantur-Lok e Debara Hamtar. Rhodan considera retornar para a Terra. Mas, para isso, teria que deixar para trás Ishy Matsu, Brendan Caine, Belinkhar, Talamon e Elnatiner. Além disso, seria muito difícil realizar a viagem com a gravemente danificada RANIR’TAN. Uma possível saída pode ser um objeto desconhecido localizado pelo rastreador de longa distância. Uma transição de dois anos-luz leva o cruzador pesado até um objeto estranho formado por diversas formas geométricas em meio a uma rede de tubos e extensões semelhantes a tentáculos. Ele parece estar à espera de algo em meio ao vazio. Um descuido de Bull também revela o quê. Objetos que se aproximam dos tentáculos são capturados e efetivamente desmantelados. Um fraco pedido de ajuda os leva a entrar na estação. Onde encontram um antigo robô que se apresenta como Tai’Targ, Grande Seis. Ele seria um ro’thach dos an’etisk, um caçador construído há milhares de anos pelos arcônidas para lutar contra os enthachs, máquinas de combate dos metanitas que atacavam as naves do Império no vazio. Depois de construir o Corredor com suas estações espaciais e derrotar os metanitas, os enthachs desapareceram, mas eles retornaram ainda mais agressivos. No entanto, Anetis, um dos mais fortes entre os an’etisk, manteve-se vigilante e a luta continuou com toda a violência. Esta é uma das últimas e inacabadas estações. Os enthachs tinham retirado peças desta fábrica e a deixado como uma armadilha para outros an’etisk. Rhodan precisa libertar Tai’Targ, pois os demônios estelares chegariam ali em breve. O mito sobre os deuses e os demônios estelares é muito mais antigo, mas o misterioso desaparecimento de frotas inteiras entre as ilhas de estrelas da Via Láctea e M-13, a história dos demônios estelares e de Anetis, que já fora contada para Rhodan em Árcon I pelo servo das estrelas que salvou sua vida, passam a ter um fundo real. Enquanto isso, Perry Rhodan suspeita que, por trás de Anetis, existe um ser mecânico que se considera deus. Pouco depois, Shaneka chama o esquadrão de reconhecimento. A RANIR’TAN é atacada. Tai’Targ é resgatado. Com a comida que ele recebe, suas baterias se regeneram a uma velocidade alucinante. A regeneração e a luta contra os enthachs mostram que ele emprega uma tecnologia muito superior à arcônida. O Grande Seis acaba com a situação ameaçadora para os bios e sua nave espacial. Rhodan persuade o robô a acompanhá-lo além do abismo, seguindo para a Terra. Como a proteção da bios é uma de suas diretrizes, ele concorda. Na RANIR’TAN, ele também encontra descendentes de arcônidas, que os an’etisk veem como seus adorados criadores.

Observações: O episódio contém ao menos três erros de autor:

1) Rhodan sabe que o ciborgue Separei era filho de Epetran. Mas ele não tinha como saber, porque, além do próprio Epetran, ninguém mais sabia disso, pois ele apagou a memória de seu filho.

2) Rhodan sabe que Callibso quer falar com ele. Mas ele não tinha como saber, porque não falou com ninguém que esteve no planeta Derogwanien.

3) As boias dos sensores estruturais arcônidas conseguem identificar a RANIR’TAN, após sua transição do sistema Árcon, por meio de sua assinatura e também medem com precisão a localização da sua rematerialização. Na verdade, ambas foram explicitamente excluídas do rol das coisas possíveis no PR Neo 51 e no PR Neo 64.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções! Clique aqui para criar uma Conta.

Imprimir