Arndt Ellmer

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

db ellmer 021Arndt Ellmer – Pseudônimo de Wolfgang Kehl. Residente no sul da floresta negra, e escreve para a série Perry Rhodan desde 1983. Toda semana, os leitores da série, discutem e trocam ideias, na página de contato dos fãs; desde 1989, Ellmer supervisiona essa página.

“As cartas dos leitores de Perry Rhodan são uma prioridade”, diz Ellmer, caracterizando sua tarefa. “Sem o contato direto com os leitores da série, eu não teria chegado tão longe”. Além disso, ele também tem contato com os leitores em fóruns, e no Facebook. “Definitivamente, os leitores esperam uma resposta às críticas, e também aos elogios e sugestões.” Nem sempre é fácil. “Para alguns leitores eu sou quase uma espécie de confessor, pois essas cartas muitas vezes refletem a situação pessoal do autor.” Não é de admirar que há algum tempo ele ganhou, em alguns círculos de fãs, o apelido de “tio-LKS” (referência a página de comunicação com o leitor – Leserkontaktseite).

Nascido em 26 de fevereiro de 1954, começou a produzir muito cedo. "Aos oito anos eu descobri as estrelas. Eu vi que elas estavam lá, e eram sóis distantes. Um pequeno livro, sobre o céu estrelado, completou meu sonho do infinito. Até hoje ele me mantém." Provavelmente por esta razão, Ellmer nunca perdeu o contato com a literatura fantástica, em todos os anos de escola e de estudo de linguística.

A primeira história de fã apareceu na década de 1970. Seu primeiro romance publicado foi em 1980, na editora Círculo Mágico (Zauberkreis-Verlag publiziert). Em 1980 também foi lançado o Romance Planetário de Perry Rhodan nº 213, “O Caminho para o Infinito” (Weg in die Unendlichkeit), de sua autoria. Em 1981, Ellmer passou para a série Atlan, e em 1983 se juntou à série principal, Perry Rhodan.

Também criou inúmeros romances individuais, como o popular ciclo “Crianças das Estrelas” (Sternenkinder). Nestes anos e décadas, ele escreveu mais de duzentos romances de Perry Rhodan, dezenas de romances de Atlan, e mais de vinte livros de bolso de Perry Rhodan, os Romances Planetários, e um de capa dura, intitulado “Na Rede de Nonggo” (Im Netz der Nonggo). Com o CD-ROM “Os Blues”, que apresentava um dos povos mais exóticos da série Perry Rhodan, começou a década de 1990 em termos de multimídia.

Além de romances de ficção científica, o autor trabalhou com sucesso em outros gêneros. Assim, ele escreveu para séries como “The Sorcerer”, “The UFO Files”, “Vampira”, “Terra do Demônio”, e outras. Histórias de detetives, romances femininos e dramas de rádio, onde apareceu sob vários pseudônimos.

Arndt Ellmer, que vive com sua família perto da fronteira com a Suíça, escreveu apenas um episódio de PERRY RHODAN NEO até o número 50: “Fuga de Terrânia” (volume 7).

Imprimir Email

Você não tem permissão para comentar. Faça seu login no site ou se registre, caso não tenha um login no site.

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.