PR1934 - O Diário de Shabazza

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

PR1934

"De caçadores a caça – eles querem fugir de Zophengorn"

Título Original: Shabazzas Tagebuch

Autor: Horst Hoffmann

Tradutor:

Artista da capa alemã: Swen Papenbrock

Publicação na Alemanha: 15/09/1998

Publicação no Brasil: 

Época: Junho de 1290 NCG

Local da ação: DaGlausch, sistema Thorrtimer, sistema Kamarr

Personagens principais: Fee Kellind, Skill Morgenstern, Perry Rhodan, Direktor sechs, Trabzon Karett, Monkey

Curiosidades: 

Visão Geral

Resumo

Alashan, sistema Thorrtimer: Skill Morgenstern, o cibernético de Alashan, conduz os exames nos cadáveres dos korragos trazidos para Alashan a bordo da Good Hope III. O cibernético obtém alguns indícios sobre o metabolismo das criaturas, que se revelam como uma mistura entre androides e robôs. Além disso, devido ao cartão holográfico capturado, que contém inumeráveis coordenadas de mais estações dos korragos espalhadas por DaGlausch, Gia de Moleon decide mandar a agente do SLT Fee Kellind e o cibernético Skill Morgenstern para Zophengorn, a fim de informar Rhodan das novas descobertas. Fee e Skill também são equipados com máscaras de logides e deixados no Anel de Zophengorn por uma nave dos thorrimers.

Em seu esconderijo dentro do Empirium de Zophengorn, o grupo de Rhodan está tentado absorver o choque do encontro com Shabazza, ou melhor, Diretor 10. Rhodan está convencido de que, sem a retirada rápida que fizeram, o grupo inteiro talvez não estivesse mais vivo agora. De qualquer modo, o imortal permanece sem escolha sobre o próximo passo a seguir. Se quiser saber mais sobre Shabazza e os diretores, terá que entrar na cova do leão. Trabzon Karrett mostra-se de grande valia mais uma vez, ao conseguir extrair da positrônica do Anel importantes informações sobre o alojamento dos diretores e as instalações de segurança do andar deles. A primeira barreira à cabine dos diretores, um escudo de energia, é derrubada por Trabzon de forma relativamente fácil, sem fazer força.

Quando o grupo de Rhodan começa a vasculhar cuidadosamente o andar dos diretores, uma mensagem breve é recebida. Chegaram reforços inesperados de Alashan! Fee Kellind e Skill Morgenstern alcançam o grupo de Rhodan e conseguem transmitir as novas descobertas sobre os korragos. Do cartão holográfico, também entregue, no qual as posições das bases dos korragos em DaGlausch estão registradas, Rhodan conclui que Shabazza está esperando por algum evento importante dentro da grande galáxia. O sistema de vigilância espalhado por toda a galáxia por si só indica isso.

No meio da discussão chega a notícia de que o Diretor 10 deixou sua cabine. Rhodan vê nisso a única chance de penetrar mais no andar dos diretores e talvez até na cabine de Shabazza. Com seus escudos defletores e a ajuda do especialista em positrônica Trabzon, os terranos conseguem vencer a primeira barreira. Quando Shabazza deixa o andar dos diretores, Trabzon consegue sondar os impulsos mentais do diretor. Eles dão a posição de uma câmara subterrânea que fica disfarçada sob a proteção do setor residencial de Shabazza.

Fee Kellind, Skill Morgenstern e Tautmo Aagenfeld ficaram para trás no esconderijo do galpão abandonado. Quando os três terranos visitam uma pequena sala separada abaixo do galpão, que deveria servir como saída de emergência, estranhos entram no esconderijo. Eles são criaturas robustas com aspecto de lagartos que aparentemente haviam escolhido o galpão abandonado para dar seus golpes. Da sua saída de emergência, os três terranos conseguem ouvir claramente que os seres lagartos estão planejando um sequestro e pretendem trazer o raptado para o esconderijo dos terranos. Os descendentes de répteis, que são nove ao todo, aprisionaram três professores do Empirium e estão exigindo que três pesquisadores de tremores específicos sejam entregues em troca dos reféns, além de quererem ir embora livremente de Zophengorn. Aparentemente esse é um ato de represália dos seres lagartos, cujo povo foi quase exterminado em virtude de um falso alarme de tremores. Fee Kellind, Skill Morgenstern e Tautmo Aagenfeld começam a procurar uma saída. Com a volta da patrulha de Rhodan, inevitavelmente aconteceria o encontro com os estranhos e isso seria um desastre.

Nesse meio-tempo, o grupo de Rhodan consegue invadir a área residencial do misterioso ser. São localizados numerosos sistemas de alarme, aos quais dirigem-se circuitos de segurança que podem destruir todo o Empirium. Quando Mondra ativa um sensor com seus movimentos e dispara um circuito de destruição, Trabzon só consegue desativar o circuito positrônico pouco antes do fim do prazo. Os terranos começam a vasculhar o setor residencial. Perto de um aviário de lamuunis, eles encontram um computador antiquado. Trabzon Karrett consegue descobrir a senha para acessar os dados do equipamento. Ela é: helter baaken! O computador parece ser um tipo de diário de Shabazza, no qual estão armazenadas algumas notas sobre as ações contra Thoregon.

No esconderijo do galpão desativado, os três terranos ainda estão em dilema. Fee Kellind e Skill Morgenstern finalmente decidem fazer alguma coisa. Os terranos paralisam os sequestradores e escapam dos touffxes próximos com o auxílio de seus campos defletores. Os três fazem contato com Eismer Stoermengord e informam o pesquisador de tremores sobre o incidente.

Enquanto isso, Rhodan e seu grupo leem impressionados os registros de Shabazza. Em seu livro de notas pessoais, o oponente de Thoregon autodenomina-se Sha Bassa. Ele é o porta-voz de um misterioso cliente e sua tarefa principal é destruir Thoregon. As ações de Shabazza contra os galornianos e a Via Láctea estão anotadas da mesma maneira, assim como a tomada da última nanocoluna; porém, aparentemente Shabazza ainda não escolheu seu próximo alvo. Os terranos ficam sabendo do trunfo de Shabazza, chamado de Jii'Nevever, e sua ligação com um poderoso príncipe dos dscherros. Esse último deve ser considerado principalmente como uma ameaça a Alashan. Além disso, os registros contém notas sobre os “Criadores”, o primeiro povo de Thoregon. Supõe-se que esse povo encontra-se em grande perigo e Shabazza o escolheu como seu próximo alvo.

Em meio a essas informações, a porta abre-se de repente e Shabazza, rodeado por um bando de lamuunis, fica de pé nela. Todos ficam paralisados de susto, e apenas Monkey age rapidamente e dispara imediatamente contra o suposto Shabazza. A criatura cai e fica estirada no chão, morta. Quando os terranos examinam o corpo, percebem que não se trata do próprio ser misterioso, mas de uma réplica korrago. Durante uma inspeção maior da área, os terranos descobrem um transmissor que está conectado a uma contraestação desconhecida. Rhodan resiste à tentação de entrar no transmissor e possivelmente materializar-se no quartel-general de Shabazza. Quando o alarme soa brevemente no Empirium, os terranos veem-se obrigados a se retirar. O grupo de Rhodan encontra-se com Fee, Skill, Tautmo e Eismer. Juntos, eles usam a nave de Eismer Stoermengord, a Glimmer, para fugir de Zophengorn.

Como próximo objetivo, os terranos escolhem um ponto de coordenadas do cartão capturado. Rhodan gostaria de investigar uma base dos korragos e descobrir mais a respeito desses misteriosos seres.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções! Clique aqui para criar uma Conta.

Imprimir Email

Você não tem permissão para comentar. Faça seu login no site ou se registre, caso não tenha um login no site.

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.