Ciclo 10 - Xadrez Cósmico

Episódios 600 a 649 – Período da história: 3456 a 3458
Data de publicação na Alemanha: 1973 a 1974
Traduzido no Brasil pelo ProjTrad: 2013 a 2014


O ser espiritual “Aquilo” e seu gêmeo negativo Anti-Aquilo jogam um jogo de xadrez cósmico, cujas figuras são Perry Rhodan e seus companheiros. Num universo paralelo eles se encontram com seus malévolos gêmeos negativos. Na Via Láctea surge à doença DAP e, num golpe traiçoeiro de Anti-Aquilo, o cérebro de Rhodan é separado de seu corpo e enviado para a distante galáxia Naupaum.



Na Terra registra-se o ano 3456. A Humanidade e também os outros povos galáticos já superaram por completo a crise do Enxame. Em muitos campos ocorrem progressos.

Enquanto testava um desenvolvimento da técnica espacial, realizando uma experiência com o reator NUG-Schwarzschild, a MARCO POLO é subitamente transferida para um universo paralelo. O contínuo no qual Perry Rhodan e seus companheiros chegam se parece com o universo natal, com exceção de um fator – no universo paralelo a Humanidade é oprimida desde 1.500 anos atrás pelo tirânico regime de um inescrupuloso Rhodan II.

A MARCO POLO chega ao mundo de pesadelo Terra II, a Terra paralela, que funciona como uma prisão particular de seu brutal senhor. Os mutantes Gucky e Ras Tschubai precisam lutar contra suas duplicatas. Em busca de aliados Rhodan voa ao planeta Palpyron, cujos habitantes vivem num sistema feudal da Idade Média. Lá ele encontra finalmente em dois oxtornenses e nos velhos mutantes de WABE 1000 aliados contra o regime criminoso. No planeta Tschirmayn, habitado por novos arcônidas, Rhodan II prepara uma armadilha, mas Rhodan I consegue escapar. Tschirmayn é destruído pouco depois.

Os acontecimentos levam à estação espacial Galax-Zero, que funciona como um ponto central de notícias para a viagem interestelar. Através da “Maratona das Espaçonaves”, uma rivalidade dos povos estelares, eles conseguem destruir a nave-capitânia do ditador, a MARCO POLO II. Porém Rhodan II e Danton II conseguem fugir. Os dois chegam ao mundo de gelo D-Muner. Lá ocorre um duelo entre Perry Rhodan e sua imagem negativa, através do qual o ditador é morto. Imediatamente após isto a MARCO POLO é transferida de volta ao universo normal.

Todavia ninguém imagina que a Humanidade se tornou uma peça no jogo entre dois poderes cósmicos. “Aquilo” e Anti-Aquilo decidem um jogo de xadrez cósmico, para conquistar o domínio desta parte do universo. Enquanto “Aquilo” segue as regras estabelecidas, Anti-Aquilo utiliza-se de qualquer recurso para chegar à vitória.

Entretanto surge na Via Láctea a doença DAP (“Deformação Abstrata Psicossomática”), uma doença virótica, trazida pela MARCO POLO do universo paralelo. Em seu estágio inicial ela provoca mudanças psíquicas nos seres afetados, que provocam o afloramento de desejos subconscientes. Em janeiro de 3457 finalmente alguns povos galáticos juntam-se – entre eles saltadores, aras e aconenses – para destroçar a enfraquecida Humanidade. Contudo, a doença chega ao mesmo tempo em seu estágio secundário. Os doentes desenvolvem um incontrolável instinto natal, e como resultado bilhões de colonos terranos desejam retornar para sua pátria ancestral, a Terra.

A tentativa de se obter um antídoto não é bem-sucedida. Torna-se claro que a doença é transmitida através de ondas de hiperrádio.

Contudo a doença DAP não afeta apenas povos humanoides, pois também os halutenses são afetados e dirigem sua lavagem forçada ao planeta Foktor Pural. Em março de 3457 a doença DAP também alastra-se pelo agregado plasmático da positrônica gigante lunar Nathan. Como consequência, Nathan precisa ser parcialmente desligado. Também os pos-bis não são poupados. Todas as tentativas de produção de um antídoto permanecem infrutíferas. O planeta Turac-Neo, habitado por novos arcônidas, é devastado por halutenses no estágio secundário. O alastramento da doença para Andrômeda é impedido no último segundo, quando os terranos conseguem deter maahks infectados na estação espacial Midway. Em maio a doença chega ao seu estágio final. As vítimas são assoladas por uma grande tristeza e ficam letárgicas, esperando pelo seu fim.

Nestas condições desesperadoras surge o misterioso Kol Mimo, que parece ser o único galático imune à DAP, e propõe a Perry Rhodan um plano que impedirá o surgimento da doença DAP através de correção temporal. Perry Rhodan deve ir pessoalmente ao passado e matar com suas próprias mãos seu duplo negativo no universo paralelo.

Um grupo de terranos ainda capaz de agir parcialmente, entre eles Alaska Saedelaere, parte com Mimo ao planeta Alchemist, onde encontra-se um deformador do tempo-zero. Pouco depois eles retornam alguns meses no passado, poucos dias antes da transferência da MARCO POLO para o universo paralelo, e realizam o plano de Mimo. Em D-Muner ocorre o duelo novamente, porém, desta vez, o ditador Rhodan II morre pelas mãos de Perry Rhodan. Devido a este paradoxo temporal, a doença DAP, com todos os seus efeitos, torna-se não-existente.

Até maio de 3457 tudo permanece tranquilo, porém Kol Mimo mostra então sua verdadeira face. Na realidade, ele é Markhor de Lapal, o filho do legendário hiperfísico que tomou parte no desenvolvimento do deformador do tempo-zero. Markhor de Lapal é um irreconciliável inimigo de Perry Rhodan e o ajudou durante a doença DAP apenas em interesse das vítimas. Após a remoção da doença DAP esta hostilidade surge novamente, associada a insanos planos de conquista do poder. De Lapal se torna um instrumento de Anti-Aquilo. Ele rapta Perry Rhodan e envia seu cérebro através de um transmissor transplantador para o infinito. Simultaneamente, surge um cérebro androide no corpo de Rhodan, que funciona seguindo instruções de Anti-Aquilo.

Este tenta continuamente se infiltrar no Império Solar, até finalmente as suspeitas de Atlan crescerem e ele destruir o cérebro androide numa ação rápida. O corpo de Rhodan é conservado, para permitir o retorno do cérebro verdadeiro.

O verdadeiro cérebro de Rhodan materializa-se numa galáxia espiral chamada de Napaum. Em Nopaloor, a cidade principal do planeta Yaanzar, o cérebro de Rhodan chega a um “Mercado de Cérebros”. Graças a uma particularidade do campo gravitacional, Yaanzar é o único planeta da galáxia Napaum onde o método PGT pode ser praticado. Com a técnica do “Transplante Similar Pararregular” é possível o transplante de cérebros completos.

O yaanztronense Doynschto descobre o cérebro de Rhodan, compra-o e o transplanta para o corpo de um bordin. Nas catacumbas sob a cidade Nopaloor, Rhodan descobre um povo de proscritos e criminosos. Pouco tempo depois o cérebro terrano é envolvido num conflito, e torna-se necessário fazer uma outra troca de corpo. O cérebro de Rhodan, agora no corpo do yaanztronense Hactschyten, salva a vida de Heltamosch, uma das mais importantes personalidades de Napaum. O cérebro de Rhodan encontra-se contudo no corpo de um criminoso procurado e precisa defender-se de seus perseguidores em Rayt, o mundo central do Raytschat de Napaum. O caçador ceynach Torytrae, que se especializou na caça a cérebros estranhos, segue a pista de Rhodan, porém este consegue trocar de corpo novamente.

Logo depois, Rhodan procura informações sobre a posição da galáxia natal e alcança o mundo proibido Traecther. Grupos criminosos levaram para este planeta todos aqueles seres que tiveram um cérebro inteligente, um PGT ceynach, transplantado contra sua vontade, e que tiveram danos espirituais e corporais. Rhodan encontra ali dois importantes companheiros de viagem, o ser-lagarto Gayt-Coor e Zeno, que para sua surpresa é um accalaurie.

Finalmente Torytrae encontra Rhodan, porém este consegue escapar de seu intento de matança. Torytrae consegue vencer com dificuldade a Mocton-Yul, uma organização clandestina que planejava a derrubada do regime de Yaanzar. Eles desejavam explorar a posição do planeta para subjugar os outros povos de Napaum.

Com o fim da Mocton-Yul, Noc é desmascarado como seu líder. Como Rhodan fica sabendo, Noc e Torytrae são os dois últimos yulocs. Este povo é um dos mais antigos de Napaum e dominou toda a galáxia há dezenas de milhares de anos.

Como sinal de gratidão, Torytrae dá a Rhodan uma dica para sua busca à posição da Via Láctea. Rhodan recebe no planeta Horntol indicações sobre os misteriosos pehrtus, dos quais ele encontrou somente um pequeno número de cérebros petrificados.

Com a ajuda de Perry Rhodan, Heltamosch consegue assumir o poder como sucessor do falecido Raytscha. Para tentar aliviar a insuportável pressão populacional em Napaum, ele começa uma expedição à galáxia vizinha Catron. No planeta Penorok os yaanztronenses descobrem uma poderosa frota de naves robotizadas, que estão sob o comando de uma grande positrônica. Contudo, o senhor do planeta é o cérebro petrificado de um pehrtus. Deste cérebro petrificado eles recebem informações sobre o programa de infecção biológica de Napaum. Há dezenas de milhares de anos os pehrtus lutaram contra os yulocs. Quando eles perceberam o insucesso dos meios militares, eles começaram uma infecção biológica. Com o mineral uyfinom eles produziram uma alteração biológica e de caráter na carga hereditária dos yulocs, o que leva a uma explosão populacional em Napaum. Assim, os pehrtus esperavam poder destruir seu inimigo. Em um psicoduelo, Rhodan consegue provocar a autodestruição do robô guia que coordenava a exploração de uyfinom no planeta Plimt.

O próximo objetivo da expedição Catron é o planeta Payntec, onde encontra-se igualmente um cérebro pehrtus petrificado. Também em Payntec há o dispositivo para o processo PGT, e além disso o planeta é o ponto final do chamado veio Catron. Contudo uma frota de destruição desfere um ataque destrutivo contra a frota de Heltamosch. Apenas poucos sobrevivem a este ataque, mas eles não possuem mais espaçonaves para retornar a Napaum. Eles vencem com dificuldade o duelo com o “Lutador Cem”. Para fornecer ajuda para Napaum, Rhodan e Torytrae usam o veio Catron. Este veio é uma ligação hiperenergética entre os planetas Payntec em Catron e Yaanzar na galáxia Napaum. Eles percebem que o veio Catron foi criado artificialmente pelos pehrtus e teve três funções: ele possibilita uma ligação semelhante à de transmissor entre os dois mundos, permite em ambos o processo PGT e fortalece e prolonga os efeitos da infecção biológica do uyfinom espalhado em Napaum. Rhodan chega a Yaanzar, onde pouco tempo depois os 18 últimos cérebros petrificados dos pehrtus morrem.

Uma segunda frota expedicionária, conduzida ao destino por Rhodan, chega a Catron. Lá, Gayt-Coor e Zeno encontram-se com Callibso, o “teatrólogo de marionetes de Derogwanien”. Este misterioso ser, semelhante a um gnomo, está em busca da Roupa da Destruição, que foi roubada dele há mais de um milhão de anos atrás. Callibso não sabe que esta Roupa da Destruição está com Alaska Saedelaere na Via Láctea. Saedelaere recebeu-a do cyno Schmitt, antes que o Enxame deixasse a Via Láctea.

Em Payntec aumenta novamente o conflito entre Rhodan e Torytrae. No interesse dos habitantes de Napaum, Torytrae deseja garantir o cérebro de Rhodan para Napaum, cuja inteligência, conhecimentos e originalidade ele admira. Contudo Rhodan consegue contrariar os planos do caçador ceynach. O veio Catron é interrompido e com isso o perigo de uma maior explosão populacional é afastado. A partir daí, o transplante de cérebros não é mais possível em Yaanzar. Com ajuda do último aparelho PGT, o cérebro de Rhodan é enviado novamente para a Via Láctea natal.

Rhodan retorna para seu corpo original, que aguardava pelo seu possuidor no medo planeta Tahun. Pouco após a chegada, ocorrem mais ataques de Anti-Aquilo. Contudo, “Aquilo” serve como escudo e consegue defender os ataques.

O “Grande Poder do Cosmos”, que situa-se acima dos dois “jogadores de xadrez”, dá seu veredito para a conclusão da luta. Devido à infração das regras do jogo inúmeras vezes por Anti-Aquilo, este é proscrito por dez unidades relativas de tempo na “Zona Inominável”.

“Aquilo” promete a Perry Rhodan um “prêmio” por seu esforço na luta. Contudo, o sentido desse “jogo de xadrez cósmico” permanece obscuro ao terrano, bem como os termos “Zona Inominável” e “unidades relativas”.

Veja abaixo os detalhes em nossos resumos!

Não há artigos nesta categoria. Se há subcategorias mostradas nesta página, elas podem conter artigos.

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.