Ciclo 22 - Os Linguides

Episódios 1500 a 1599 – Período da história: 1169 a 1174 NCG (4756 a 4761)
Data de publicação na Alemanha: 1990 a 1992
Começou a ser traduzido no Brasil pelo ProjTrad em 2017


Para a surpresa de todos, AQUILO exige que os imortais lhe devolvam seus ativadores celulares. O novo povo escolhido por ele para receber a dádiva da imortalidade relativa são os linguides, cujos pacificadores conseguem influenciar outros seres através de suas palavras. Contudo a radiação de seus novos ativadores transforma os pacificadores em tiranos inescrupulosos. Quando AQUILO está a ponto de transformar-se num Sorvedouro de Matéria, resta a Perry Rhodan e seus companheiros pouco tempo para salvar não somente a Via Láctea como também eles próprios.



Chamado da imortalidade

Após o fim de Monos, durante os próximos 20 anos, os terranos ligados à rede Simusense na Terra cautelosamente voltam à realidade. Ao mesmo tempo, na Via Láctea ocorre uma reconstrução liderada pelo Galacticum, no qual Árcon se transforma em novo fator de poder junto com a LTL, em particular com apoio maciço de Atlan. Com isso, inúmeros arcônidas gostariam de ver portadores de ativador celular no comando do novo reino arcônida, conhecido como Segundo ou Novo Império Arcônida. Em setembro de 1169 NCG, o nakk Willom aparece na Terra com Eirene, que agora se chama Idinyphe. Também chegam Ernst Ellert, Alaska Saedelaere e Testare que ainda estavam à procura das Crônicas de Amringhar. Em 30 de setembro de 1169 NCG, Homunk, o mensageiro da superinteligência AQUILO, efetua o “chamado da imortalidade”: todos os portadores de ativador celular devem se reunir em Peregrino, para entregar seus ativadores, pois o prazo de 20.000 anos expirou. Com a EIDOLON, eles voam para Peregrino, onde AQUILO se refere ao suposto caos no Grupo Local e toma os ativadores, mas, ao mesmo tempo, lhes concede uma última ducha celular.

No Eastside da Via Láctea, o pacificador linguide Aramus Shaenor consegue, exclusivamente com a força de suas palavras, resolver um conflito geral no setor Simban, surgido entre blues gerados in vitro e in vivo. A pedido de Rhodan, Fellmer Lloyd e Ras Tschubai investigam o sistema Jergelen, que agradece ao linguide em nome do governo do reino blue Tentra. Os mutantes são informados por Eirene sobre a mensagem de AQUILO, mas pouco depois perdem a consciência por vários dias, devido a uma teleportação com um linguide. Após seu despertar em 15 de outubro, seus ativadores celulares se tornaram inoperantes, de modo que morrem pouco depois.


Os pacificadores

Os linguides, originários de Lingora, no sistema Teshaar, vivem em uma sociedade fechada, liderada pelos pacificadores; fora isso, não seguem nenhuma hierarquia. Os pacificadores mais importantes atualmente são Dorina Vaccer, Balasar Imkord e Aramus Shaenor. Como temem consequências fatais para seu povo se aderirem ao Galacticum, os pacificadores são hostis a ele. Em dezembro de 1169 NCG, Perry Rhodan chega com alguns companheiros ao sistema Jergelen. Em Compol, os galácticos descobrem o kima linguide, que parece ser outro termo para alma. Mas este kima é perdido quando se usam transmissores, propulsores de transição e coisas afins. Por conseguinte, os linguides também não podem utilizar estes métodos de locomoção. Linguides sem kima sofrem uma mutação ao longo do tempo e se transformam em monstros, que são internados em uma ilha em Teffon.

Os linguides possuem um conceito de realidades diferentes, todas oriundas da realidade absoluta, que inclui todos os fenômenos e influências externas que conformam a existência do Universo e se estendem até a realidade de cada pessoa. Por meio do desvio dos termos da realidade individual, a realidade subjetiva pode ser manipulada, sendo esta a verdadeira essência da capacidade dos pacificadores.

Per-E-Kit, um representante dos kontidenses, surgem no panorama galáctico. Ele convence Gesil a ir com ele, porque supostamente possui informações sobre seu sequestrador. O contratante de Per-E-Kit não é outro senão Stalker, que se manteve principalmente em Estartu durante a era de Monos. Ele também alega que o sequestrador de Gesil foi o governante da galáxia Truillau. Gesil e ele partem na nave-concha SHARN-Y-YAAK para Truillau, onde tentam localizar, com a ajuda dos rebeldes de Per-E-Kit, o “guardião de Truillau”.

Na Via Láctea, Perry Rhodan lida com vários problemas: por um lado, fica cada vez mais evidente que os nakks apresentam um interesse especial em AQUILO. Por isso, eles se uniram e formam uma sociedade secreta e roubaram alguns ativadores celulares para estabilizar AQUILO com a sua força. Por outro lado, alimentada pelos tópsidas, o Galacticum propõe um novo zoneamento da Galáxia. Em particular, conduzidos por Atlan, seu novo imperador designado, os arcônidas tentam ocupar o vácuo de poder. Eles deslocam os tópsidas de um planeta e lhes oferecem como compensação um mundo no sistema Cueleman, mas que já foi prometido para os linguides. Os linguides negociam com os tópsidas, reforçando ainda mais a desconfiança de Atlan em relação aos pacificadores.

Em nível técnico, por sua vez, são desenvolvidos vários projetos: o dueto sinergístico, auxiliado por seu filho, Myles Kantor, invade NATHAN e descobre que AQUILO viu um grande perigo se aproximar de sua concentração de poder e, por isso, causou também a descentralização da BASE. Perry Rhodan e alguns ajudantes colocam a rede de controle dos cantaros sob seu controle. Surge o Sistema de Posicionamento Galáctico (SISPOG), uma rede de monitoramento em toda a Galáxia, usada principalmente para a busca por AQUILO. Quando os primeiros traços são encontrados, Sato Ambush rapidamente consegue enviar Perry Rhodan para Peregrino. À sua pergunta sobre os ativadores celulares, ele recebe como resposta que aqueles destinados a receberem os ativadores ainda não nasceram. Obviamente parece que AQUILO está vivendo no momento em que o povo arcônida recebeu o prazo de 20.000 anos.

O entendimento com os nakks melhora lentamente, o que é devido, entre outros a Idinyphe, que gradualmente parece até mesmo se transformar em um nakk.

Os investigadores de AQUILO (Alaska Saedelaere, Ernst Ellert e Testare) chegam a Fornalha. Na base da Liga Hanseática, eles conhecem Siela Correl, provavelmente filha de Reginald Bull e Vanity Fair. Ela consegue se comunicar com os nocturni e, assim, evita que a base sofra um dano maior. O Sábio de Fornalha não pode fornecer as coordenadas de Amringhar aos investigadores, mas se oferece para levá-los até lá. Mas apenas Ellert e Testare seguem para lá, pois Saedelaere e Siela Correl partem com a espaçonave MÃE em direção a Estartu.

Enquanto isso surgem mais evidências de AQUILO na Via Láctea, fazendo os imortais suporem que a superinteligência quer entrar em contato com eles, mas não consegue. Dao-Lin-H’ay e Ronald Tekener finalmente descobrem que Homunk está reunido com os pacificadores linguides. Também o triunvirato dos pequeninos, composto por Gucky, Beodu e Salaam Siin, encontra pistas: um fragmento do observatório de Peregrino e um revólver Colt Peacemaker. Este emite impulsos psíquicos, fazendo as criaturas ao seu redor usá-lo para praticar roleta russa. Embora Beodu seja imune a esses impulsos, ele morre em um acidente quando dispara em si mesmo.

Em forte contraste, Myles Kantor deve ser morto. Os patrocinadores do assassinato pertencem ao grupo Outubro 69, que quer uma Galáxia não sujeita à tutela dos imortais, mas reforçada pelas obras de AQUILO. Mas a tentativa é apenas parcialmente bem-sucedida: as duas pernas de Myles Kantor são aniquiladas e, a partir de então, ele só consegue se mover com seu kantormóvel, uma cadeira de rodas de alta tecnologia.

Mas o cientista não se deixa abalar e continua a investigação em busca de AQUILO e das coordenadas de Peregrino. Ele sofre concorrência dos nakks e do grupo Outubro 69, que continuam a sabotar seu trabalho. Espantado, ele descobre que o ponto focal da órbita de Peregrino é Teshaar, o sistema dos linguides. Os imortais pousam em Peregrino e encontram Ernst Ellert, que já foi incorporado por AQUILO. Este os avisa para não penetrarem ainda mais no planeta artificial.

Os antigos portadores de ativador ignoram este aviso; mas em breve são capturados por Ellert, que envelheceu um ano desde que irrompeu de AQUILO para alertar seus companheiros. Diante de seus olhos, ele envelhece e finalmente morre. Com isso, eles concluem que também devem ter envelhecido um ano e agora têm apenas mais alguns anos de vida; finalmente deixam Peregrino, que se desmaterializa. Em seu lugar, surgem catorze naves linguides, que seguem em direção aos mundos natais de cada um dos pacificadores. Cada um deles recebe um ativador celular ligado ao seu arbusto-kima. Os linguides são, portanto, o novo povo auxiliar escolhido por AQUILO.

Seguindo o conselho de Stalker, Perry Rhodan prepara uma expedição para Estartu. A bordo da ROBIN sempre ocorrem incidentes misteriosos, cujo autor repetidamente se suspeita ser Stalker. Mas ele “apenas” tenta fazer a tripulação lutar entre si. Finalmente ficam expostos a um planeta, de onde mais tarde serão recolhidos por Dao-Lin-H’ay. Entretanto, Stalker rapta a HARMONIA com Salaam Siin, que mais tarde se tornará seu companheiro voluntário.

Enquanto isso, com o auxílio das recentemente recuperadas Portas Transmissoras, a ROBIN voa mais rápido do que o esperado até Estartu. No Jardim de ESTARTU, finalmente Ronald Tekener, Dao-Lin-H’ay, Salaam Siin e a tripulação da ROBIN se reúnem novamente e testemunham Stalker ser absorvido por ESTARTU. Seu verdadeiro papel de enviado da superinteligência durante a ausência de AQUILO de sua concentração de poder é explicada por ESTARTU. Ela esclarece para os galácticos que a solução do problema de AQUILO reside nos ativadores celulares. Como isto já é sabido pelos nakks, começa uma corrida para a galáxia nativa.

Enquanto isso, Gesil está em cativeiro em Truillau e é levada para bordo da nave residência CASSADEGA. Embora ela tenha repetidos contatos mentais com o misterioso Guardião, ele a faz esperar por vários meses. Como servo, ela recebe Voltago, um assustador clone cibernético. Somente quando Idinyphe também chega a bordo da CASSADEGA, o Guardião se apresenta como o cosmocrata Taurec. Ele tinha mandado sequestrar Gesil, a encarnação de uma cosmocrata, e clonado Monos a partir de seus genes, mas este ficou fora de controle. Taurec finalmente vai, junto com Gesil e Eirene, para além das fontes de matéria e deixa este mundo. Voltago é deixado como um presente para Perry Rhodan.

Em Árcon, os cientistas encontram uma evidência de que os linguides descendem de arcônidas e tefrodenses. Por meio de vários registros, cujos proprietários temporários geralmente morrem em circunstâncias violentas, Atlan reconhece a ligação com os Senhores das Galáxias e a busca de Crest pela vida eterna.

Reginald Bull e Icho Tolot participam de uma expedição a Andrômeda, pois lá foram observadas anomalias temporais. Quando Myles Kantor, em seguida, calcula uma nova órbita de Peregrino que também atravessa Andrômeda, ele vai com Perry Rhodan e Atlan para a galáxia vizinha. Lá eles encontram mais evidências de que AQUILO manipula os gradientes de realidade da realidade atual. Por fim, Peregrino materializa e eles testemunham AQUILO entregar os ativadores celulares para o cientista tefrodense Nermo Dhelim, mas estes são roubados por Mirona Thetin, que posteriormente será o Fator I dos Senhores das Galáxias. Assim, é solucionado o mistério sobre a origem dos Senhores das Galáxias.

Nota: Como essa visão veio durante a confusão de AQUILO, esta versão é considerada improvável.

Na Via Láctea nativa, os pacificadores tentam fazer justiça ao seu papel de novo povo auxiliar da superinteligência, e compram espaçonaves, plantas industriais, mas também armas, da Liga Hanseática Cósmica. Então Michael Rhodan decide voltar ao seu antigo papel de Roi Danton, para tentar obter a confiança do pacificador Cebu Jandavari. Entre outras coisas, ele é declaradamente contra os superpesados, que os pacificadores acabaram de recrutar como força policial. Ele também testemunha a destruição do arbusto-kima do linguide Adonor Cyrfant, que descobriu pinturas rupestres antigas, onde pode ser vista a queda de espaçonaves. Os sobreviventes arcônidas e tefrodenses se agarram firmemente ao galho de uma árvore. Este ramo foi o precursor do arbusto-kima dos linguides. Cyrfant percebe que o kima é uma cadeia falsa, uma associação ilegal de conceitos cujas posições são inflexíveis.

Os linguides também se assustam com o aumento da violência, que não regride e causa até mesmo a destruição de planetas inteiros. Por causa disso, Hagea Scoffy, Alaresa Anceott e Nonari Vojerina, três pacificadoras sem ativador celular, ficam contra o triunvirato linguide, formado por Dorina Vaccer, Aramus Shaenor e Balasar Imkord, trazendo à luz suas maquinações e intrigas. Enquanto Dorina Vaccer vai para uma inspeção, seu ativador celular é tomado e ela reconhece as relações entre o arbusto-kima e a história antiga dos linguides, Aramus Shaenor e Balasar Imkord agarram firmemente o poder e a perseguem. A líder dos superpesados, Paylaczer os depõe, junto com três outros líderes linguides, e arrebata seus ativadores celulares.

Icho Tolot consegue desafiá-la para um duelo e a derrota. Os linguides restantes devolvem livremente seus ativadores celulares para os terranos, envelhecem imediatamente um ano e meio, tempo em que usaram os dispositivos, e lentamente recuperam sua clareza mental.

No Sistema Solar, chegam a BASE e a ROBIN. Elas informam Rhodan que Taurec, Gesil e Eirene estão além das fontes de matéria. Mas vão além disso, dizendo que a confusão da superinteligência foi devida à manipulação de Taurec, que tentou acelerar a transformação de AQUILO em uma fonte de matéria, para poder, deste modo, alcançar mais rapidamente o local além das fontes de matéria. Em conjunto com o Choque de DORIFER, isso teve consequências fatais. Sobre isso, Rhodan, Tolot, Voltago e Paunaro podem se convencer por si mesmo ao voar para DORIFER com a nave de Paunaro, a TARFALA, onde presenciam futuros potenciais.

Após seu retorno, Peregrino materializa no Sistema Solar, mas rodeado por uma espécie de película temporal. Ele está realmente cerca de 20.000 anos no futuro. A tentativa de entrega dos ativadores celulares falha, porque AQUILO não entra em contato. Apenas Paunaro consegue penetrar no campo defensivo do mundo discoide. Pouco depois, ocorrem catorze detonações no hiperespaço. Os ativadores celulares obviamente foram destruídos. Na Terra, os antigos portadores de ativador mostram os primeiros sinais de envelhecimento e ficam à espera de um sinal de AQUILO.

E realmente Ernst Ellert aparece com a mensagem de que Rhodan e Atlan poderiam seguir até Peregrino, selecionando e levando outros treze candidatos à imortalidade. Além dos antigos portadores de ativador, Rhodan seleciona Dao-Lin-H’ay, Lingam Tennar, Myles Kantor, Sato Ambush e Nikki Frickel.

Para surpresa de todos, AQUILO diz a Rhodan que ele havia escolhido errado três pessoas dos novos candidatos a portador de ativador celular e já tinha selecionado outro imortal: um ser humanoide que aparenta não saber onde esta e o que está acontecendo, sendo chamado por Ambush de Ennox1, que age de forma muito estranha não os respeitando e os insultando, como se fosse um adolescente rebelde, e desaparece imediatamente após a entrega do ativador, sem ter ouvido até o fim a piada dos cogumelos na floresta que estava sendo contada por Bull… Gucky ao receber seu chip ativador recebe a missão de encontrar dois portadores de ativador, que já nasceram e que devem receber seus ativadores em 25 anos. Além dos dez antigos portadores de ativador (inclusive Atlan e Rhodan), Myles Kantor, Dao-Lin-H’ay e Paunaro recebem os novos chips ativadores, que agora são usados sob a pele do ombro. A superinteligência também dá para o cientista as suas pernas e sopra nele uma espécie de marca de nascença na forma de uma galáxia espiral. Outro ativador vai para Paunaro que, diferentemente de todos os outros nakks azuis da Galáxia, não é absorvido pela superinteligência.

Em suma, são os seguintes os portadores de ativadores chips: Perry Rhodan, Atlan, Reginald Bull, Gucky, Icho Tolot, Homer G. Adams, Michael Rhodan, Myles Kantor, Paunaro, Alaska Saedelaere, Julian Tifflor, Ronald Tekener, Dao-Lin-H’ay e Ennox.

Com o fim dos problemas com AQUILO, os linguides retornam ao seu pequeno império estelar e os superpesados são banidos da Via Láctea por duzentos anos, devido ao seu abuso.

1 Nota do revisor: O termo Ennox é uma abreviação para nomear uma entidade Néscio de zero X, o que significa entidade cujo nome eu não sei de origem ou meio desconhecido ou uma entidade sem nome de origem desconhecida.

Veja abaixo os detalhes em nossos resumos!

Não há artigos nesta categoria. Se há subcategorias mostradas nesta página, elas podem conter artigos.

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.