PR0484 - O Fim da ODIKON

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

PR484

“Há milênios eles vivem em segurança – protegidos pela Barreira Galáctica”

Título Original: Das Ende der ODIKON

Autor: William Voltz

Tradutor: Ayres Carlos de Sousa

Artista da capa alemã: Johnny Bruck

Publicação na Alemanha: 27/11/1970

Publicação no Brasil: 1990

Época: Abril de 3438

Local da ação: Morschaztas

Personagens principais: Perry Rhodan, Atlan, Ovaron, Marceile, Recimoran, Fentorch, Vandrocan, Cotuchan, Guvalash, Remotlas

Visão Geral

Resumo

A bordo da ODIKON, Fentorch, a consciência da espaçonave nessa viagem, relata que há algo de errado com os dois passageiros Perry Rhodan e Atlan. O comandante Recimoran então questiona os dois convidados, sem assim, descobrir que os pedotransferidores Ovaron e Marceile estão em suas consciências. Ovaron pretende transferir de volta para a MARCO POLO, mesmo que a distância entre Morschaztas e Gruelfin seja de milhares de anos-luz.

Com a pedotransferência, a consciência de Ovaron encontra uma barreira. Ele é capturado e jogado de volta, quando então leva grandes quantidades de hiperenergia com ele, que se manifesta a bordo da ODIKON. As temperaturas estão subindo insuportavelmente, para então cair drasticamente após uma implosão interna. A ODIKON é arrancada do semiespaço pelo equipamento danificado e é incapaz de manobrar. Rhodan agora informa sobre a presença de Ovaron a bordo enquanto Recimoran conta que Morschaztas foi incorporada no hiperespaço pelos ganjásicos.

Os pedopilotos alarmam a Frota Ganjásica enquanto isso e deixam seguir a ODIKON. Ao mesmo tempo, eles induzem o falso ganjo em Erysgan e assumem o governo dos Ganjatores. A anteriormente tolerada central de comando dos perdachistas em Cappinoscha também é atacada. O líder dos perdachistas, Remotlas, solicita a evacuação da central de comando para as numerosas bases secretas evasivas.

Finalmente, a ODIKON atinge o planeta Erysgan. Rhodan exige que seja disponibilizado a ele e Atlan uma nave auxiliar para que eles possam pousar despercebidamente no planeta, enquanto a ODIKON pousa oficialmente em um espaçoporto. Pouco antes da partida Rhodan e Atlan descobrem o clooser Sumpfhenry, um animal de estimação moderadamente inteligente dos perdachistas. Recimoran pede para cancelar o lançamento, mas Rhodan insiste na ejeção imediata da nave auxiliar. Durante o voo de aproximação a ODIKON é destruída. Rhodan e Atlan realizam um pouso forçado no planeta, perto de uma montanha. Eles também ajudam Sumpfhenry a escapar da nave auxiliar, antes de deixá-lo.

Em seguida, eles fazem o seu caminho para Cappinoscha, mas param seguidamente: Uma menina, aparentemente, a filha de um dos Ganjatores, surge em seu caminho, mas pode ser persuadido a deixar os dois sozinhos. Então Rhodan e Atlan têm que desviam de um carro transmissor móvel que se desloca na direção de Cappinoscha. Eles decidem invadir o carro, onde Ovaron assume brevemente o motorista. No entanto, eles não vão longe com o carro porque planadores buscam cercá-los um pouco mais tarde e pegar o carro. No último momento, eles conseguem escapar através do transmissor.

As forças de segurança dos ganjásicos são mal coordenadas: a contraestação do transmissor é guardada apenas por um velho, embora seja um forte ganjásico, que pode ser facilmente dominado. Rhodan e Atlan iniciam uma perseguição com os órgãos de segurança, até que, finalmente, chegam a Kalumbin, o suposto esconderijo dos perdachistas. Em fuga de um grupo de soldados dentro do centro de entretenimento, Rhodan fala com um homem que por coincidência acaba por ser perdachista e os leva diretamente para o chefe dos perdachistas, Remotlas, na central de comando.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções! Clique aqui para criar uma Conta.

Imprimir Email

Login

A Chave secreta é necessária somente se você habilitou o Google Autenticador em seu perfil.