PR0017 – O Planeta do Sol Moribundo

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

PRBR-0017

"Eles pousaram no Planeta do Sol Moribundo e encontram – o ódio..."

Título Original: Planet der sterbenden Sonne

Autor: Kurt Mahr

Tradutor: Richard Paul Neto

Artista da capa alemã: Johnny Bruck

Publicação na Alemanha: 29/12/1961

Publicação no Brasil: 1976

Época: Final de 1975.

Local da ação: Vagabundo.

Personagens principais: Perry Rhodan, Thora, Crest, Tama Yokida, Fellmer Lloyd, Leutnant Tanner, Tanaka Seiko.

 

Resumo

Rhodan e sua tripulação lutam para identificar a galáxia estranha onde foram transportados e ordena a nave a permanecer onde está até que eles possam determinar sua localização. Sua paciência é recompensada quando a galáxia de 56 estrelas comprova ter sido uma ilusão. Uma vez que o verdadeiro estado de seu entorno é revelado, Rhodan descobre que o caminho lógico para tomar (em direção à estrela mais próxima da galáxia ilusória) iria colocá-los no curso direto para o sol do sistema.

Eles investigam um planeta solitário circulando o sol ofuscante e moribundo, um planeta que é chamado de Vagabundo. Apesar de seus instrumentos não detectarem nenhum sinal de vida inteligente na superfície do planeta, a bordo da nave estranhos e inconsequentes eventos começam a ocorrer, como se alguns telecinetas estivessem brincando com eles. Uma força tarefa sob o comando do tenente Tanner começa a explorar a superfície do planeta. O mutante telepático Fellmer Lloyd detecta misteriosos sinais contraditórios que combinam impulsos de brincadeiras infantis com um ódio cego e destrutivo e a força de expedição descobre vários rato-castores desprovidos de inteligência.

Um androide disfarçado de Lloyd tenta assassinar Rhodan. O verdadeiro Lloyd relatou que foi capturado por robôs com duas pernas e braços múltiplos, que fabricaram o androide assassino.

As interferências telecinéticas se tornam cada vez mais graves e ameaçam a STARDUST, como se o elemento misterioso tivesse se entediado e resolveu encontrar uma brincadeira mais desafiadora intervindo nos sistemas da nave. Enquanto isso, na superfície do planeta, a expedição de patrulha sofre ataques dos robôs que demonstram uma impressionante capacidade de controlar e usar as mudanças gravitacionais como uma arma mortal.

Lloyd levou-os de volta para a base subterrânea onde havia sido preso. Lá eles cercam e destroem vários dos robôs hostis. Uma enorme perturbação gravitacional (provocada pelo lento pôr do sol do sistema) incapacita os robôs restantes, que são determinados como artefatos de uma colônia agora extinta há 35.000 anos. Os robôs provam que possui um cérebro orgânico em seus sistemas de controle e de terem sido programados para procurar e aniquilar qualquer presença alienígena que 'invada' o planeta. Lloyd informa a Rhodan que o instinto de ódio desapareceu e apenas permanece o instinto brincalhão.

Rhodan leva sua força através de um túnel longo e compacto descoberto sob as colinas onde encontram tocas escavadas pelos rato-castores. Estes provam ter uma inteligência intermitente: simples animais à noite, mas dotados de inteligência limitada, poderes telecinéticos e brincadeiras infantis durante o dia. Em sua toca, Rhodan encontra o que o Imortal tinha deixado para eles achar: um mapa da galáxia, revelando o caminho de volta ao sol da Terra (Sol) e Vega... E que indica a posição de um planeta sem sol que Rhodan conclui ser o Planeta da Vida Eterna que viaja em uma grande órbita elíptica pelo espaço e a Terra constitui um dos pontos importantes desta mesma elipse.

Gostou deste resumo? Participe do Projeto Traduções!

Clique aqui para criar uma Conta e, para saber como adquirir sua cópia oficial e ainda ter os benefícios de ser um integrante do Projeto Traduções, entre em contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Imprimir